Seguidores

sexta-feira, 16 de junho de 2017

Hackers conseguem usar cigarro eletrônico para transmitir vírus

(Foto: reprodução)

A fragilidade da "Internet das Coisas" (aparelhos conectados como lâmpadas e termostatos) já foi amplamente demonstrada pelo ataque da rede Mirai ao servidor DNS Dyn no final do ano passado. Mas o pesquisador de segurança Ross Bevington demonstrou nesta semana que ela é ainda maior que se imaginava: ele mostrou como um cigarro eletrônico poderia ser usado para infectar computadores.
Bevington conseguiu inserir no cigarro eletrônico um código que fazia com que computadores aos quais ele era conectado identificassem-no como um teclado. Com isso, o cigarro conseguia interagir com a máquina, e poderia ser usado para instalar arquivos maliciosos ou para enviar comandos arbitrários ao computador. Também era possível interferir com o tráfego de rede do dispositivo.

Segundo a Sky News, esse não é o único tipo de ataque que pode ser feito usando o dispositivo. O site diz ter recebido também um vídeo de um hacker identificado como Fouroctets mostrando como um cigarro eletrônico poderia interferir com um computador ao ser plugado para carregar. 

GUSTAVO SUMARES
Fonte

Sua partilha é muito importante e nos ajuda a continuar criando conteúdo. COMPARTILHE! Clica logo ali mais abaixo. Obrigado!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Curta nossa Página...
Visite nosso parceiro:
Conheça nosso Parceiro: UNIVERSO CÉTICO