Seguidores

segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Buraco negro se desprende de sua galáxia e viaja ‘livremente’ pelo espaço

Qual será o futuro de um buraco negro que viaja pelo espaço intergalático?
A maioria das galáxias tem um buraco negro em seu centro. À medida que as galáxias colidem e se fundem, os buracos negros se fundem também, criando buracos negros super-massivos ainda maiores.
Sabendo disso, uma equipe de astrônomos estava fazendo observações de buracos negros que habitam os centros galáticos. Com o  auxílio dos observatórios NSF e VLBA, eles observaram mais de 1.200 galáxias, mas um aglomerado de galáxias, localizado a mais de 2 bilhões de anos-luz acabou chamando a atenção de todos, pois não havia um buraco negro: ela tinha não um buraco negro, mas sim um buraco vazio no centro. Eles ficaram ainda mais surpresos ao perceber que o buraco negro desse aglomerado estava do lado de fora, viajando quase que livremente pelo espaço intergalático.
O buraco negro super-massivo em questão, que chamaremos apenas de B3, é muito mais brilhante do que qualquer objeto próximo, e também está mais distante do que a maioria dos buracos negros observados. Mas um buraco negro tão massivo e tão brilhante como esse, deveria estar situado no coração de uma grande galáxia. Porém, B3 tem apenas um remanescente de estrelas ao seu redor. Ele está praticamente sozinho…
Condon e sua equipe concluíram que B3 era uma vez um buraco negro supermassivo que habitava o centro de uma galáxia. B3 colidiu com outra galáxia maior, que por sua vez, tinha um buraco negro ainda mais massivo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Curta nossa Página...
Visite nosso parceiro:
Conheça nosso Parceiro: UNIVERSO CÉTICO