Não é difícil encontrar pessoas que conhecem o médico e astrólogo francês Michel de Nostredame, o Nostradamus. Ele, que viveu no século 16, acabou acertando muitas de suas previsões, como a Revolução Francesa, a ascensão de Adolf Hitler ao poder e os atentados de 11 de setembro – há quem diga que até a eleição de Trump foi prevista por Nostradamus.

A seguir, veja algumas coisas malucas que ele disse sobre o ano de 2017 – vale lembrar, é claro, que as afirmações são relativamente vagas e é preciso forçar a cabeça e buscar interpretações possíveis para o que Nostradamus quis dizer. Aliás, se você tiver algum grande insight ao ler as previsões a seguir e entender com clareza o que elas significam, não deixe de contar para a gente nos comentários:

1 – Muitas inundações e secas

“Por quarenta anos o arco-íris não será visto. Por quarenta anos será visto todos os dias. A terra seca crescerá mais ressecada e haverá grandes inundações.”

2 – Sobre trovões e conflitos

“O grande homem será atingido no dia por um raio. Uma ação má, predita pelo portador de uma petição. De acordo com as previsões, outro cai durante a noite. Conflito em Reims, Londres e peste na Toscana.”

3 – Momentos de paz

“As pestes serão extintas, o mundo se tornará menor. Por um longo tempo as terras serão habitadas pacificamente. As pessoas viajarão com segurança pelo céu, pela terra e por mares. Então as guerras começarão outra vez.”

4 – Escândalo na realeza

“Cartas são encontradas no peito da rainha, sem assinatura e sem nome do autor. As evidências serão escondidas para que ninguém saiba quem é o amante.”

5 – Sobre eleições?

“Uma raposa será eleita sem falar uma palavra, aparecendo como santo para um público que vive de pão de cevada. Depois, de repente, se tornará um tirano, chutando a garganta dos maiores homens.”

6 – Enfraquecimento ocidental

“Duas vezes posto e duas vezes lançado para baixo, o Oriente também enfraquecerá o Ocidente. Seu adversário depois de várias batalhas perseguido pelo mar falhará no momento da necessidade.”

***

E aí, o que você acha dessas previsões? Será que 2017 será melhor que 2016 ou ainda precisamos de mais interpretação de texto para saber?