Seguidores

Visitas

terça-feira, 29 de novembro de 2016

Empresa japonesa criará uma chuva de meteoros artificial para os Jogos Olímpicos de 2020

Não é novidade que já arrumamos um local fora de casa para apreciar a chuva de meteoros quando somos noticiados do evento: sabemos que a chuva de meteoros é um fenômeno natural, causado pela combustão de partículas deixadas por resquícios dos cometas que se chocam com a atmosfera terrestre, produzindo um gracioso efeito luminoso, que muitas vezes chamamos de “estrelas cadentes”.
No passado, existiam diversos mitos relacionados à chuva de meteoros, porém hoje em dia basta um céu limpo e locais escuros para que os interpretemos como uma ocasião especial de romance ou planos a dois. Porém, você já imaginou que é possível forjar uma chuva de meteoros? É isso mesmo! Veja como isso é possível:

Comandado por um satélite, a chuva artificial de meteoros deverá fazer a nave carregar entre 300 a 500 partículas de cerca de dois centímetros de diâmetro ao espaço. Ali, esses pequenos fragmentos serão liberados e cairão a uma velocidade inferior à velocidade dos cometas, o que facilitará muito a observação do fenômeno.
Essa tecnologia conta com astrônomos e engenheiros, custando cerca de 8 mil dólares para ser produzida. A imprensa japonesa revelou que o principal foco do desenvolvimento dessa tecnologia é seu uso durante a cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de 2020 em Tóquio.

Para aprimorar ainda mais o evento, os desenvolvedores estão adicionando diferentes minérios para conferir uma coloração diferenciada às “estrelas cadentes”, como ocorre com os fogos de artifício ao entrarem em combustão, que revelam tons de azul, laranja, dourado, verde, vermelho, roxo, entre muitos outros. A chuva poderá ser vista a uma distância até 200 km do local, pois a empresa fabricante, A startup ALE, afirmou ao público que a chuva de meteoritos artificial procurará promover uma luminosidade de até 70 vezes mais intensidade que uma chuva de meteoritos naturais.

Se você deseja ver o fenômeno de perto, faça já suas reservas para os Jogos Olímpicos de Tóquio de 2020 e leve seu companheiro (a) a fim de averiguarem se o romantismo permanece o mesmo.

[Fonte:CNN]

Nenhum comentário:

Postar um comentário